RECEBA AS NOSSAS NEWSLETTERS

tel: +351 218 452 689
info@09west.com

ENCONTRE A SUA VIAGEM

por palavra-chave

home » sobre Portugal »


sobre Portugal


 Bem-vindo a Portugal!
 Portugal Continental é o pais mais oeste da Europa. O seu litoral é banhado pelo oceano atlântico e tem a Espanha como sua fronteira terrestre. Portugal é composto por sete regiões: Douro & Norte; Beiras; Distrito de Lisboa; Alentejo; Algarve; Arquipélago dos Açores; Arquipélago da Madeira;  Apesar de ser um pais pequeno (89.295 km2) é bastante diversificado, não só em termos etnológicos, como naturais e climatéricos.  Os dois arquipélagos que se encontram no Oceano Atlântico são distintos entre si, sendo um composto por nove  ilhas ( Santa Maria; S. Miguel; Terceira; S. Jorge; Pico; Faial; Graciosa; Flores e Corvo), referimo-nos ao Arquipélago dos Açores; e outro, o arquipélago da Madeira composto por duas ilhas habitadas (Madeira e Porto Santo) e dois santuários naturais (as Selvagens e as Desertas).



História Clima Dinheiro Serviços Comunicar
 
Com uma fronteira tão extensa para o mar, não admira que tenhamos assistido a muitos desembarques e embarques. Por isso tornámo-nos desde há muito abertos ao mundo e à comunicação. Absorvemos gentes de variadas origens: Fenícios, Gregos, Cartagineses, Romanos (que nos deixaram a língua que falamos), povos nórdicos e povos da Mauritânia. Apesar de tantas misturas, o nosso País é dos mais antigos da Europa. No séc. XII tornou-se independente dos outros reinos peninsulares graças ao conde Afonso Henriques que foi nosso primeiro rei por sua vontade própria. Um século mais tarde, com a conquista do Algarve, Portugal acabava de desenhar a sua fronteira continental. Em finais do séc. XIII o rei D. Dinis criou a nossa Universidade, uma das mais antigas da Europa, e levou-a para a bela cidade de Coimbra. Nos sécs. XIV, XV e XVI fomos os primeiros europeus a navegar até África, ao longínquo Oriente e às profundezas do continente Sul Americano, donde trouxemos uma montanha de raridades. Ainda antes de prosseguirmos pela costa de África, encontrámos os arquipélagos dos Açores e da Madeira, que são parte do nosso território no Atlântico. Depois de uma crise dinástica que nos colocou sob o trono de Espanha, em 1640 voltámos a ter um rei português porque, embora discretos, temos um grande sentido de independência. No séc. XVIII, D. João V, rei absolutista e amante das artes, mandou construir o imenso palácio-convento de Mafra, e o grande Aqueduto que conduziu a água à cidade de Lisboa. No séc. XIX, lutas partidárias enfraquecem a Monarquia, que acaba por cair em 1910, ano em que se implantou a República. Somos parte da UE desde 1986, mas continuamos a valorizar as nossas virtudes próprias. Com esta História, vai ver que a nossa Arte é um pouco diferente daquela que já conhece. Repare sobretudo nas manifestações que nos são peculiares: no "Manuelino", exaltação da época das Descobertas, na forma como soubemos trabalhar a arte do azulejo e no nosso Fado, canção de nostalgia.